11/06/2013 12h06

Sintep indica greve por tempo indeterminado na rede estadual

O movimento foi indicado pelos representantes das subsedes diante da ausência de negociação com o governo do Estado
Só Notícias
Sintep indica greve por tempo indeterminado na rede estadual. (Foto: Reprodução)

O Conselho de Representantes do Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT) deliberou pela realização de greve na rede estadual de educação por tempo indeterminado a partir de agosto. O movimento foi indicado pelos representantes das subsedes diante da ausência de negociação com o governo do Estado em relação à pauta de reivindicação da categoria. Desde o dia 26 de abril, quando a categoria iniciou o estado de greve, não foi realizada a audiência solicitada com o governador Silval Barbosa e com as secretarias de governo. 

O conselho definiu a data da Assembleia Geral para o dia 5 de agosto, onde o indicativo de início da greve será avaliado pela categoria. Nos próximos 30 dias e durante o recesso de julho, diversas ações de mobilização deverão acontecer para a preparação do início da greve, caso a assembleia ratifique a decisão do conselho. A insatisfação nos municípios por causa da paralisia do governo no item valorização profissional foi discutida entre os representantes das subsedes do Sintep. O reajuste de 8% concedido a todas carreiras públicas é considerado insuficiente pela categoria.

Para o presidente do Sintep-MT, Henrique Lopes do Nascimento, a decisão do conselho foi madura no sentido de que o governo do Estado e a Secretaria de Estado de Educação possam atender as reivindicações da categoria, principalmente, no sentido de apontar uma política de valorização salarial a médio prazo para os educadores. A categoria exige coerência do governo com as políticas nacionais que vem sendo discutidas no âmbito do congresso.

Dentre as ações de mobilização, o dia 28 de junho será de paralisação em repúdio à Assembleia Legislativa e ao governo do Estado, que realizou a aprovação da Emenda Constitucional 66/2013 que retirou recursos da educação.

espalhe!

Veja também

© Copyright 2000-2013 - Rádio Comunitária Eldorado FM 87,9