11/06/2013 07h09 - Atualizado em 11/06/2013 07h13

Negociações avançam, e Mano espera resposta do Flamengo

Clube e a agente do treinador já conversaram sobre valores e projeto. Decisão pode sair a qualquer momento.
Globo Esporte
Leandro Canônico e Richard Souza
Mano aguarda resposta quanto à pedida salarial. (Foto: Reprodução)

As negociações entre Flamengo e Mano Menezes estão avançadas. Nesta segunda-feira, o clube e o agente do treinador, Carlos Leite, que num primeiro momento ficou fora das tratativas, conversaram sobre valores e o projeto que o Rubro-Negro oferece ao ex-técnico da seleção brasileira. Mano, que esteve reunido no domingo com integrantes da diretoria do Flamengo, mas não chegou a falar em bases financeiras naquele encontro, aguarda uma resposta do clube, que analisa as condições pedidas. O acerto pode sair a qualquer momento e não deve passar da próxima quarta-feira.  

O treinador, que considerou “simpático” o projeto do Flamengo, está em São Paulo, analisou o que lhe foi oferecido, deu seu parecer e agora espera a definição dos dirigentes cariocas. Para tentar convencê-lo, o Flamengo colocou em campo um time de dirigentes com os vices de marketing, Luiz Eduardo Baptista, o Bap, de relações externas, Flávio Godinho, e de finanças, Rodrigo Tostes.

Em gravação do programa Bola da Vez, da ESPN Brasil, Mano deixou claro que um dos fatores que mais o preocupam é ter as garantias necessárias de que contará com um elenco capaz de disputar os títulos das competições.

- O Flamengo é um grande clube do Brasil, passa por uma fase de reestruturação e gosto do conceito que estão tentando implantar. É exatamente isso que acredito. Existe uma simpatia inicial pelo projeto. O que vai acontecer nos próximos dias depende da possibilidade de fazer um bom trabalho. Porque técnico não é um sujeito milagroso. Precisa ter material humano para fazer trabalho. Mesmo num projeto mais longo, você tem que estar preparado para produzir resultado. Porque não existe projeto longo que sobreviva sem resultado - explicou.

Em entrevista ao GLOBOESPORTE.COM no mês passado, o técnico estabeleceu uma data para voltar a trabalhar: 11 de junho, quando ele completa 51 anos (nesta terça-feira). Se o prazo for cumprido, Mano pode começar a nova idade como técnico do Rubro-Negro.

espalhe!

Veja também

© Copyright 2000-2013 - Rádio Comunitária Eldorado FM 87,9